A castanha e seus benefícios

A castanha é originária do sul da Europa, é um fruto seco outonal (desde o início do outono até ao fim do inverno) que nasce do castanheiro. Graças às suas propriedades antioxidantes, consumir castanhas assadas no outono e início de inverno não é apenas uma tradição popular, mas também uma boa forma de combater o frio.

As suas virtudes

A sua composição assemelha-se mais ao dos cereais, pois contém pouca gordura, menos minerais, mais fibra e mais hidratos de carbono que saciam.

No entanto, destaca-se pelo seu teor em vitaminas A, C, E e ácido fólico. É um alimento ideal para fortalecer as defesas e preparar o organismo para fazer frente às doenças infeciosas de inverno (gripes, rinites).

Quanto aos minerais, destaca-se o magnésio, fósforo e potássio, que favorecem um bom funcionamento nervoso e muscular.

Utilização em culinária

Podem ser consumidas torradas, cozidas no vapor ou assadas. Para serem assadas, colocam-se no forno num tabuleiro (fazendo um pequeno corte na lateral, para que não rebentem) durante 40 minutos com casca, e quando prontas, descascam-se, retirando-se o fruto.

Combinam bem com saladas e sopas, e também se podem comer em puré.

Existem castanhas secas que se demolham antes de serem consumidas.

Como sobremesa, podem comer-se com mel ou como recheio de crepes.

Recomendável para…

Prevenir constipações, gripes

Animar o espírito

Melhorar o trânsito intestinal

Estudantes e pessoas com trabalhos intelectuais

 

Valor Nutricional

100g de Castanha assada c/ sal, tem:

Calorias – 211 Kcal

Proteínas – 3,5g

Hidratos de carbono – 45,5g

Gorduras – 1,3g ( dos quais  0,5g poliinsaturadas )

Vitamina C – 46 mg

Àcido fólico – 56ug

Ferro – 0,9 mg

Fibra alimentar – 7,0g

 

 

Receita: Sopa de Castanhas

Ingredientes para 4 pessoas:

115g de castanhas

¼ de caldo de galinha ou de legumes

cebola picada

aipo picado (opcional) ou alho francês

1 colher café de açúcar amarelo

1 pitada sal e pimenta

raspa de limão

croutons

 

Elaboração:

Colocar as castanhas (peladas e em pedaços), o aipo e a cebola num recipiente juntamente com o caldo de legumes, o açúcar, a pitada de sal e pimenta.

Deixar ferver durante 20-30min.

Adicionar as raspas de limão e cozer mais 5min em lume brando.

Se preferir a textura de um creme, passar com a varinha mágica.

Servir quente em pratos com cubos de pão torrado (croutons).

 

Carla Castrelo

 

 

Por Carla Castrelo

Nutricionista 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *