As sugestões de Patrícia Peixoto, enóloga da Casa Santa Vitória

Assume, atualmente, a Direção e Enologia da adega Casa Santa Vitória no Alentejo, empresa que pertence ao grupo Vila Galé. Nasceu em Braga, licenciou-se em Enologia pela Universidade de Trás os Montes e Alto Douro em 2003, mas foi no Alentejo que encontrou a sua realização profissional, depois das várias experiências que teve na região do Douro, Vinhos Verdes, Beira Interior e Bairrada.

À frente da Casa Santa Vitória assume este projeto com muita perseverança e ambiciona fazer vinhos com carácter, personalidade e diferentes. Aos leitores do Onde Ir deixa duas sugestões: SV Grande Reserva Tinto 2015 e Inevitável Tinto 2016

 

SV Grande Reserva Tinto 2015

Este é um vinho feito com as castas Touriga Nacional, Syrah, Cabernet Sauvignon estagiado 12 meses em barricas de carvalho. As uvas pertencem às vinhas da encosta, uma zona nobre na herdade da Santa Vitória com 1620 hectares de pura planície no Baixo Alentejo. O solo é pobre e a luta pela vida da videira é constante. E a isso se deve a riqueza em cor, estrutura, aromas e elegância do nosso vinho. Graças também ao cuidado diário da equipa de viticultura e enologia que cuida com atenção para que nada se extreme neste cocal de vida difícil.

A pureza do Alentejo, a garra destas uvas e o trabalho da gente… sentem-se em cada gole.

 

Inevitável Tinto 2016

Mais do que um vinho, o Inevitável é um conceito que pretende evocar uma qualidade singular, reconhecida e unanime. Lançamos apenas em anos excecionais e juntamos as castas que nesse ano exibiram as melhores condições para elaborarem um lote inesquecível e que é inevitável provar.

O desafio é escolher dentro das melhores barricas algumas excecionais para podermos levar a cabo a missão de fazer este vinho que conta já com reconhecimento nacional e internacional, inclusive com prémios, críticas e pontuações que nos tem orgulhado ao longo tempo. O desafio é fazer cada vez melhor.

Para a colheita de 2016 juntamos a casta Touriga Nacional e Syrah. As uvas foram apanhadas à mão e apos uma fermentação em pequenos lagares, bastante prolongada, seguiu-se o estágio em barricas de carvalho francês durante 14 meses. Na hora de decidir não houve dúvida, Inevitável 2016 será seguramente mais um lançamento inesquecível. Um vinho forte, estruturado, com taninos firmes, mas que terminam com suavidade. Um vinho que pode ser bebido já, mas que revela uma excelente capacidade de aguentar e evoluir durante o período de 8-10 anos.

Para quem gosta de experiências únicas não pode perder este lançamento em breve. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *