O segundo tempo

The best lack all conviction, while the worst

Are full of passionate intensity.

W. B. Yeats: “The Second Coming”

Podendo ser traduzido como “O segundo Advento”, o poema foi originalmente publicado em 1920 na revista norte-americana The Dial. Quase cem anos depois, traçamos uma linha entre aquele primeiro tempo – que enquadra a citada criação literária – e este segundo tempo que vive a zet gallery. A crescente programação sustenta-se em ações variadas que contribuem para que o espaço da galeria viva para além das exposições. Com os artistas, invariavelmente, no centro da equação, delineámos uma oferta formativa artística distinta.

O início é feito, sempre, de questões. Ana Almeida Pinto pergunta aos mais novos se sabem da existência de “bichos que se movem e improvisam desenhos”? A resposta está nos robots rabiscadores que os ensinará os mais novos (a partir dos 6 anos) a criar este sábado de manhã, dia 9 de novembro. Na parte da tarde, introduz os participantes a partir dos 15 anos à linogravura – processo de redução, técnica de impressão que, através de uma placa de linóleo, possibilita a multiplicação de imagens. Nesta oficina de quatro horas, o resultado final, a cores, inclui a impressão de uma série com um total de dez linogravuras.

Cláudia Cibrão e Catarina Real questionam como pode a energia do grito existir no papel. Os participantes são expostos a diferentes tipos de musicalidade, “desde arte sonora a músicas punk – para que se trabalhe a conexão do som com a própria notação, ou desenho, do mesmo” e a relação com a mão é trabalhada diretamente com o próprio sentido da audição. Esta sessão faz parte do Ciclo 5 sentidos, 5 sessões, mas não é obrigatória a frequência das anteriores para se inscrever na próxima, sábado, dia 16 de novembro, às 15h00.

Tanto para quem pretende conhecer a técnica ou aperfeiçoar a prática da pintura a óleo, a oficina de quatro horas Alexandre Coxo, no dia 23 de novembro, sábado, destina-se a participantes a partir dos 16 anos.

Alan McGowan viaja de Edimburgo, no Reino Unido até Braga, em Portugal para, a partir de modelos vivos, ensinar a estudar as diversas abordagens de desenho, anatomia e tonalidade. Tendo como base conhecimentos técnicos sólidos, o propósito do workshop de desenho – retrato é criar um desenho altamente expressivo. As inscrições estão abertas para o dia 30 de novembro, entre as 10h30 e as 17h30, na zet gallery.

Até 16 de novembro deste ano, a área expositiva da zet gallery acolhe uma seleção de seis artistas, por Helena Mendes Pereira: Sara Maia, Jorge Abade, Hélio Luís, Patrícia Oliveira, Ricardo de Campos e Monica Mindelis integram PALIMPSESTOS. Se pretender visitar a galeria fora do horário de abertura (de segunda-feira a sábado entre as 14h00 e as 19h00) basta contactar a equipa, através do e-mail info@zet.gallery ou do 253 116 620.

Catarina Martins,
head of communication da zet gallery
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.