Rita Cruz

No palco ou na televisão, é a representar que Rita Cruz se sente bem. Nas últimas aparições em televisão, fez parte do elenco das novelas “A Herdeira” e “A Impostora” da TVI. Agora, no teatro, prepara-se para estrear “Soberana”, sobre a tradição religiosa da Mãe Soberana de Loulé. Antes da estreia, a 21 de junho, a atriz conta os seus segredos de viagem ao Onde Ir.

Por Wilson Ledo

Entre os países que já visitou, qual o preferido? E porquê?

São Tomé e Príncipe. Marcou-me pela bondade e generosidade do povo. A energia “leve-leve” do país é muito bonita. As pessoas são mesmo bonitas, parece que a maldade não chegou a este país… Sem contar que é um verdadeiro paraíso.

Que hotel ou alojamento sugere sempre aos amigos/gostaria de voltar? 

Sugiro o Pé no Monte, um espaço de turismo rural na costa alentejana. Estive lá recentemente. É um espaço maravilhoso, amplo, com bom gosto no meio do campo e fica muito perto das praias da costa vicentina. É um espaço ótimo para quem tem crianças.

Há elementos dos destinos que costumam inspirá-la na construção das personagens?

A minha inspiração até costuma estar no dia-a-dia, no quotidiano. É a minha maior fonte de inspiração. Na rua, nos transportes públicos, nos supermercados… Mas sim, há uma frescura que se traz aquando uma viagem que nos ajuda na criatividade, na capacidade de observação e na própria expressão de corpo e voz.

Qual o país que mais “anseia” visitar, entre aqueles que estão na sua lista de espera? 

Não consigo nomear um só país, mas vários. Gostava muito de Ir a Cuba, Argentina, Costa Rica, Maldivas.

Já visitou algum país ou cidade por ter feito parte de uma peça de teatro que levou a cena/leu?

Já tive a sorte de visitar vários países e de representar em línguas como espanhol ou italiano. Visitei Espanha, Croácia, Eslovénia, Itália e mais recentemente Macau. Neste último com o espetáculo “Karl Valentin Kabarett” doTeatro do Eléctrico, isto sem contar com as muitas cidades portuguesas que conheci à custa de várias digressões teatrais.

Qual o sítio preferido para uma refeição aconchegante fora de casa?

Uma esplanada à frente do mar.

Que livro, filme ou espetáculo recomendaria a um viajante?

Livro: “Contos do Gin-Tonic” de Mário-Henrique Leiria

Filme: “Cinema Paraíso

Espetáculo: “Contos em Viagem- Cabo Verde” (pelo Teatro Meridional, a partir de autores cabo-verdianos)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.